Palavras que Edificam: Lidar com sofrimentos!

7/06/2015


Olá pessoas chiques!
Tudo bom com vocês? 
Estava no tumblr e de repente li um texto e senti muiiiito no meu coração de postar ele aqui.Creio que falará com alguém.Então vamos lá:


“Eu lembro da minha tristeza e solidão, das amarguras e dos sofrimentos. Penso sempre nisso e fico abatido. Mas a esperança volta quando penso no seguinte: O amor do Senhor Deus não se acaba, e a sua bondade não tem fim. Esse amor e essa bondade são novos todas as manhãs; e como é grande a fidelidade do Senhor!” (Lamentações 3:19-23)


Sabemos que o sofrimento é inevitável. Mas a forma como lidamos com ele depende exclusivamente de nós. Segundo o psicólogo Baker, qualquer tipo de sofrimento, seja um simples desânimo ou uma depressão, o importante é o modo com encaramos nossa tristeza. Ele afirma mais: geralmente a intensidade da tristeza não é causada pelo grau do sofrimento, mas pelo que significa para você estar triste. Sendo assim: “O modo como encaramos nossa tristeza desempenha um importante papel na intensidade do sofrimento.”

A referência da nossa leitura diária de hoje reflete exatamente isso. Quando o autor da passagem de Lamentações se volta para a sua tristeza, ele fica abatido. Mas isso muda quando ele decide mudar a forma como ele vai lidar com isso: antes ele pensava na tristeza, na solidão, nas amarguras e nos sofrimentos. Mas depois ele escolheu pensar no amor do Senhor, e a partir desse momento a sua esperança volta.

Não é querendo desmerecer a dor de ninguém, mas por isso que vemos o fim de um namoro ser o fim do mundo e uma pessoa enfrentando uma doença ser um caso de superação. Não é o grau do sofrimento que vai definir a nossa tristeza, mas o que ela significa para nós. E como iremos encará isso é o que trará a nossa esperança de volta (ou afastá-la).

Para sairmos do sofrimento, é preciso depositar a nossa confiança em algo ou em alguém. Uns confiam nas pessoas, outros confiam em si mesmos. Mas a única confiança que não pode ser abalada é aquela depositada no Senhor. Foi isso o que o autor de Lamentações fez, afirmando que tudo o que ele tinha era Deus, por isso confiou Nele. E como ele mesmo afirmou “O Senhor é bom para todos os que confiam nele.” Em seguida ele afirma que o melhor a se fazer é ter esperança e aguardar a ajuda do Senhor. (Lamentações 3:24-26). Ou seja, a simples esperança de receber a ajuda do Senhor faz nascer a paciência no sofrimento. Essa é a melhor forma de lidar com o sofrimento.

Então a solução não é querer pular o sofrimento. A própria Bíblia afirma que há tempo para cada sentimento. (Eclesiastes 3:1-4). Se quisermos pular esse tempo, teremos problemas. Pois o esforço que depositarmos para nos livrar da tristeza, só nos fará lembrar mais ainda dela, como diz o versículo no início. Mas se ao invés disso, mudarmos a nossa perspectiva de fugir para superar, não importa o tamanho do sofrimento, mas ele se tornará menor, por causa da esperança. E mesmo nos piores momentos que enfrentarmos, se atravessarmos esse deserto com sabedoria e tolerância, daremos espaço para a alegria.

“Você vai conseguir, você vai conseguir. A noite só pode durar por um tempo. Seja o que for que você está enfrentando, se seu coração está quebrando, há uma promessa para aqueles que esperam. Levante seus olhos e veja, o sol está nascendo. Cada alto e baixo pelo qual você vai passar, você não precisa ter medo, Eu sou contigo. Nos momentos em que você está tão fraco que tem vontade de parar, deixe a esperança que você tem iluminar o caminho pelo qual você está andando. Mesmo quando você não consegue imaginar como você vai encontrar uma saída, mesmo quando você está se afogando em sua dúvida, basta olhar para além das nuvens, o sol está nascendo.” (Britt Nicole

Se me deu vontade de chorar? com certeza hahah O que vocês acharam,heim? Me contem (seja aqui,na fan page,e-mail,etc).Fiquem com Deus!
Super beijoooo e até mais!


Fonte: 
http://carta-de-cristo.tumblr.com/