Palavras que edificam: Qual é a verdadeira intenção do seu coração?

6/13/2016

Olá Pessoas chiques!
Tudo bom com vocês? Espero que sim!
As palavras que edificam de hoje se encontra em Salmos capítulo 73, leia-o atentamente.
O salmo começa com a afirmação de que Deus é verdadeiramente bom, porém, o salmista diz que, quase teve seus pés desviados do caminho de Deus, por ver os sofrimentos dos justos e a prosperidade dos ímpios.
O coração pode revelar a sua real intenção ao lado de Deus, ou seja, se estamos verdadeiramente focados na Pessoa de Cristo, ou se apenas buscamos realizações pessoais, onde o sucesso da caminhada está diretamente ligado à “prosperidade”.
Esse texto me leva a pensar em algo, esse é um problema que não é novo, mesmo assim, igrejas ensinam o homem a lutar a qualquer custo para tomar o lugar do ímpio na “prosperidade”. Confiamos em carros ou no Senhor?
É triste saber que pessoas resumem o evangelho a ganhos materiais, quando o que merecemos na verdade é a cruz, não temos nada em nós que possa ganhar o direito da salvação, nada ! (Efésios 2: 8, 9) Deus encarnar-se e oferecer-se em sacrifício perfeito, livrando todo aquele que crer. Estamos crendo de fato no verdadeiro Evangelho do nosso Senhor, ou nos agarramos em ouro e prata?
Se tiver enfrentado muita luta, não desanime, Deus é contigo! Clame ao Senhor, chore aos pés do Redentor, seja grato pela salvação por graça. O sofrimento nessa terra é passageiro,Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará, e lhes servirá de guia para as fontes das águas da vida; e Deus limpará de seus olhos toda a lágrima. Apocalipse 7:17
O salmista conclui que a mão e o conselho de Deus são responsáveis pela sua caminhada de fé até o fim (Versos 23, 24). É lindo perceber o entendimento do homem quando o mesmo conclui dizendo que, havendo um dia sofrimento na sua carne e o seu coração venha desfalecer, Deus é a sua fortaleza e herança para sempre (Verso 26), ou seja, seguimos na força do Senhor e, a nossa herança é eterna.
Tenha essa certeza no seu coração: “Quanto a mim, bom é estar junto a Deus; no Senhor Deus ponho o meu refúgio, para proclamar todos os seus feitos! (verso 28).